Sexta-feira, 27 de Abril de 2007

Esta noite...

Esta noite chego de mansinho, sem ruído, para não te acordar… Devagarinho, coloco uma pequena estrela em teu travesseiro e nela, meu coração. Por cima para que sua luz seja suave, um lenço… e nele, uma lágrima…

 

Esta noite venho deixar-te minhas asas… Atravessaram mil tempestades, bateram sem parar para me manter num céu que eu queria azul, mas hoje, estão cansadas e já não podem voar…

 

Esta noite deixo-te meu sonho… Nele, estarei sempre contigo. Basta fechares os olhos e deixar que eu te abrace. Não é um grande sonho mas é aquele em que podia sonhar-te…

Está noite, preciso descansar dos caminhos que magoam meus pés descalços, preciso parar e deixar o tempo correr. Assim, devagarinho e sem ruído para não te acordar, beijo-te meigamente e de novo perco-me na noite sem ti…

 

25/10/2005

 

Ao reler este meu texto publicado no blog “osmanos”, senti que as palavras, passado tanto tempo, continuam a ter o mesmo sentido…como pode o tempo passar e deixar na alma exactamente a mesma dor? Talvez um dia, numa nova aurora, eu encontre a resposta…

 


Escrito da alma: Madalena às 15:45
De Shadow a 18 de Maio de 2007 às 12:57
Amiga Madalena como sinto essas tuas palavras, como sinto que uma pessoa tao bela como tu, portadora de belos sentimentos e palavras possa sofrer tanto.
Os sonhos sao feitos de ilusoes e fantasia, mas os sonhos podem se tornar realidade, um dia... quem sabe...
A esperança é a ultima a morrer e esta curta vida dá voltas e voltas, pode ser que um dia, num determinado tempo e espaço, talvez brevemente consigas curar essa mágoa, essa dor que te percorre nas veias que te dilacera a pouco e pouco.
Espero que estejas bem amiga, animo e boa disposição, sao duas palavras que se enquadram em ti e eu gosto de ver,juntando essa tua linda doçura e as tuas meigas palavras de ternura, formam a madalena que eu conheço e adoro.
O sol está alto, as núvens desapareceram e deixaram um lindo céu azul.
Vai ao teu mar infinito e maravilha-te com a sua beleza nestes dias de verão.
Molha os teus delicados pés e descarrega tudo que o mar encarregar-se-a de levar tudo para as suas profundezas.
Mar...
Por acaso sinto imensas saudades...
Um beijo carregado de ternura e amizade deste teu sempre amigo.
Shadow!!!


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


.posts recentes

. Uma outra vida...

. Minha despedida...

. Sou Outono...

. A oitava maravilha do "no...

. Liberta-me, mas...fica...

. Todas as dores...

. Paz é tudo o que peço...

. Lamento...

. Vives em minha saudade...

. Sou o que sou...

. Chuva...

. Eu...

. Lagrimas...

. Em tuas mãos...

. Mãe...

. Beija-me...

. É teu...

. Asas de sentimento...

. Desisto...

. Beijo-te suavemente...

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004