Quarta-feira, 6 de Agosto de 2008

Liberta-me, mas...fica...

 

Liberta-me deste sonho onde me prendes. Solta-me as asas e deixa-me voar para longe de ti. Dá-me a liberdade que me roubaste fazendo-me amar-te assim…

 

Chega de dores miudinhas que machucam meu coração. Chega de afagos nesta alma sofrida. Provoca uma dor maior, intolerável e faz-me odiar cada instante contigo…

 

Queima as últimas esperanças, destrói todas as ilusões. Faz com que cada palavra tua seja uma ferida profunda e de cada cicatriz uma marca para a vida…

 

Faz-me arrepender deste sentimento que tanto me fez sorrir e apaga do meu pensamento tudo aquilo que quis ser…e nunca fui…

 

Liberta-me…de ti…de mim… e deste amor!

 

Mas no fim, permanece em mim…porque sem ti já não sei viver…já não sei amar…

 


Escrito da alma: Madalena às 11:04
| Comenta aqui
4 comentários:
De Valquiria a 7 de Agosto de 2008 às 15:53
Oi Minha amiga,Sempre viva a vida com um sorriso... franco e amigo que contagia... E faça sempre... em cada momento.
Nunca fica com saudades dos dias que passam ou já viveu...há um agora e uma amanhã que deve e tem de ser sempre melhor... mais sorridente... mais positivo!Não fique triste minha amiga!
Beijos


De O sal da nossa pele a 8 de Agosto de 2008 às 02:16
Olá Madalena, nunca deixei de passar aqui.

Beijo


De Toninha a 11 de Agosto de 2008 às 16:53
oi, Madalena,
Se tua dor é real, eu compartilho com você.
Mas se não é, então ela é só minha!
Valeu a sensibilidade!
Espero dias melhores.....
Bjs.
Fk c/ Deus!


De jpb a 1 de Setembro de 2008 às 08:51
ola acho que este poema esta lindo e representa muito do que vivemos e nao queremos esquecer....e da qual se aprende a guardar apenas as coisas boas dos sonhos que vivemos.......


Comentar post

.Meu selo...


fg.jpg


.Meu outro blog


Image Hosted by ImageShack.us

.Outro Blog Meu


Image Hosted by picoodle.com

.posts recentes

. Uma outra vida...

. Minha despedida...

. Sou Outono...

. A oitava maravilha do "no...

. Liberta-me, mas...fica...

. Todas as dores...

. Paz é tudo o que peço...

. Lamento...

. Vives em minha saudade...

. Sou o que sou...

. Chuva...

. Eu...

. Lagrimas...

. Em tuas mãos...

. Mãe...

. Beija-me...

. É teu...

. Asas de sentimento...

. Desisto...

. Beijo-te suavemente...

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.Meu contador de visitas...