Quarta-feira, 2 de Julho de 2008

Vives em minha saudade...

Tentei escrever o que o meu coração sente, mas não fui capaz. As palavras nasciam escuras, sem as cores que tu davas aos dias, sem o som cristalino de tuas gargalhadas tão gostosas.

 

Não quero pintar minha saudade com a escuridão da noite, nem com o negro da dor. Quero que elas tenham teu sorriso, tuas brincadeiras marotas e toda a tua alegria. Foste riso em nossa vida durante teus 21 anos.

 

Por isso, hoje deixo as saudades correr nas minhas veias e encher minha alma daquilo que sempre nos deste… amor!

 

Continuas vivo em nós… No coração e nos pensamentos de todos nós, que te amamos.

Deixo um beijo e uma lágrima em cada estrela para que te sejam entregues Freddy, meu sobrinho.

 

Sinto tanto tua falta…

 


Escrito da alma: Madalena às 17:55
| Comenta aqui
9 comentários:
De Valquiria a 2 de Julho de 2008 às 23:50
Saudades que tens e vais ter sempre, mas acredita que ele estará sempre do teu lado e ele quer te ver sempre com um sorriso nos lábios.Amiga as pessoas que nos são queridas partem mas ficam sempre no nosso coração, nunca as esquecemos, mas a vida tem que continuar.. Infelizmente a vida tem dessas coisas e a dor da saudade é uma coisa que todos nós estamos sujeitos a sentir. É muito bom escrever o que sentimos, sublimar nossos mais profundos sentimentos!...
Desejo-te que tenhas muita força.
Beijinhos com carinho


De Madalena a 3 de Julho de 2008 às 11:13
Obrigada Val... Quem amamos nunca morre, fica para sempre em nosso coração, vivo nas memorias e nas saudades. Mas a vida é assim mesmo. Provoca dor quando nos arranca um pedaço ao coração. Aprendemos a viver com essa dor. Beijo amiga.


Comentar post

.Meu selo...


fg.jpg


.Meu outro blog


Image Hosted by ImageShack.us

.Outro Blog Meu


Image Hosted by picoodle.com

.posts recentes

. Uma outra vida...

. Minha despedida...

. Sou Outono...

. A oitava maravilha do "no...

. Liberta-me, mas...fica...

. Todas as dores...

. Paz é tudo o que peço...

. Lamento...

. Vives em minha saudade...

. Sou o que sou...

. Chuva...

. Eu...

. Lagrimas...

. Em tuas mãos...

. Mãe...

. Beija-me...

. É teu...

. Asas de sentimento...

. Desisto...

. Beijo-te suavemente...

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.Meu contador de visitas...