Terça-feira, 20 de Novembro de 2007

Uma página...

Coloco a página em branco diante de mim e devagarinho, sem saber bem porquê, vou soltando salpicos de alma. A folha enche-se pouco a pouco de pequenas letras, sussurros de um coração que canta a melodia de uma saudade…

 

As letras juntam-se e formam pequenos amontoados de emoções, sem definição, sem limites…apenas montinhos de sentidos soltos no vento do norte e que se transformam em lágrimas de chuva miudinha…

 

Nas frases construídas pelo pensamento e escritas com as sensações nas pontas dos dedos, crescem bocadinhos de um sentimento bonito que nasceu. Florescem como papoilas, livres de sentirem a brisa suave do entardecer e de embalar na valsa do tempo, toda a magia que teima em não morrer…

 

O branco ganha a cor de um olhar que se perde num céu azul e as linhas pintam-se de amor e paixão num pôr do sol que se faz infinito num fim do mundo onde as emoções são ondas de um mar sempre em mudança…

 

Nascem tempestades de dores, e as ondas que as palavras fazem ondular no oceano dos meus sentidos, beijam a praia do meu ser, castigando-me com a força da ausência… Sem porto de abrigo onde ancorar, deixo-me naufragar…

 

A página da vida foi escrita, enchendo-se de palavras soltas e de emoções sentidas. Palavras sem cor, vestindo o negro da dor, suportando o peso da ausência mas guardando nas entrelinhas que vai escrevendo, toda a esperança de um sonho…


Escrito da alma: Madalena às 11:21
| Comenta aqui
6 comentários:
De luis alho a 24 de Novembro de 2007 às 11:17
"Todas as pessoas
que passam pelas nossas vidas
deixam as suas marcas
num ir e vir infinito...

As que permanecem ...
é porque simplesmente
doaram seus corações para entrar
em sintonia com a nossas almas.

As que se vão ...
nos deixam um grande aprendizado....
Não importa que tipo de atitude tiveram,
mas com elas aprendemos muito...

Com as vaidosas e orgulhosas aprendemos
que devemos ser humildes....
Com as carinhosas e atenciosas aprendemos
a ter gratidão....
Com as duras de coração aprendemos
a dar o perdão....

Com as pessoas que passam
pelas nossas vidas
aprendemos também a
Amar
e de várias formas....
com amizade, com dedicação, com carinho,
com atenção, com atração,
com paixão ou com desejo ..."

Mas nunca ninguém nos ensinou
e nunca aprenderemos
como reagir diante da "SAUDADE"
que algumas pessoas deixam em nós..."




Passando apenas para te desejar uma boa tarde...e a continuação de feliz semana!!
Fica bem...e com os anjos para te iluminarem e guiarem na estrada da vida rumo á felicidade!!
Beijinho (desculpa)

luis alho


De Fallen Angel a 26 de Novembro de 2007 às 10:05
Olá amiga...
Nunca pensei que fosse tão cedo que tivesse pronto, mas felizmente consegui ter o meu blog pronto já este fim de semana. Então convido-te a entrar na minha nova morada que é www.marisocass.blogspot.com.
Espero por você lá.
Um beijinho e uma boa semana.


De Fallen Angel a 27 de Novembro de 2007 às 15:31
Como é bom escrever tudo o que nos vai na alma, transcrevendo num papel ou até mesmo aqui no pc. Alivia-se a dor, solta-se a alma e escreve-se o que se quer, o que se sente, o que se deseja.
Um grande beijinho com carinho.


De lola a 29 de Novembro de 2007 às 16:57
blablabla
voces sao uns estupidos


De Madalena a 29 de Novembro de 2007 às 17:13
Agradeço a simpatia... e o adjectivo. Só não entendi porque foi escrito ao plural, pois aqui, apenas estou eu... deve ser por solidariedade...obrigada por estares aqui!!


De Mário a 2 de Dezembro de 2007 às 23:02
Olá, Madalena.
Pelo conteúdo do teu blogue, pelos valores e até pelo teu nome, sugiro-te a leitura do livro recente "A REENCARNAÇÃO DE JESUS" do escritor Mário Martinho.
Fantástico!

Mais informação em:
http://mariomartinho.bloguepessoal.com


Comentar post

.Meu selo...


fg.jpg


.Meu outro blog


Image Hosted by ImageShack.us

.Outro Blog Meu


Image Hosted by picoodle.com

.posts recentes

. Uma outra vida...

. Minha despedida...

. Sou Outono...

. A oitava maravilha do "no...

. Liberta-me, mas...fica...

. Todas as dores...

. Paz é tudo o que peço...

. Lamento...

. Vives em minha saudade...

. Sou o que sou...

. Chuva...

. Eu...

. Lagrimas...

. Em tuas mãos...

. Mãe...

. Beija-me...

. É teu...

. Asas de sentimento...

. Desisto...

. Beijo-te suavemente...

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.Meu contador de visitas...