Sábado, 6 de Agosto de 2005

...

sopro1.JPG


 Horas profundas, lentas e caladas,
Feitas de beijos sensuais e ardentes,
De noites de volúpia, noites quentes
Onde há risos de virgens desmaiadas...


Oiço as olaias rindo desgrenhadas...
Tombam astros em fogo, astros dementes,
E do luar os beijos languescentes
São pedaços de prata plas estradas...


Os meus lábios são brancos como lagos...
Os meus braços são leves como afagos.
Vestiu-os o luar de sedas puras...


Sou chama e neve branca e misteriosa...
E sou, talvez, na noite voluptuosa,
Ó meu Poeta, o beijo que procuras!


 (Florbela Espanca)


"E sou, talvez, na noite voluptuosa, ó meu poeta, o beijo que procuras!"


Escrito da alma: Madalena às 22:45
| Comenta aqui
27 comentários:
De Anónimo a 20 de Agosto de 2005 às 12:55
Amar!



Florbela Espanca



Eu quero amar, amar perdidamente!
Amar só por amar: aqui... além...
Mais Este e Aquele, o Outro e toda a gente...
Amar! Amar! E não amar ninguém!

Recordar? Esquecer? Indiferente!...
Prender ou desprender? É mal? É bem?
Quem disser que se pode amar alguém
Durante a vida inteira é porque mente!

Há uma primavera em cada vida:
É preciso cantá-la assim florida,
Pois se Deus nos deu voz, foi pra cantar!

E se um dia hei-de ser pó, cinza e nada
Que seja a minha noite uma alvorada,
Que me saiba perder... pra me encontrar...
Carlos
(http://vagueando.blogs.sapo.pt/)
(mailto:c_m_a_n_u_l@hotmail.com)


De Miguel Ângelo a 8 de Outubro de 2007 às 15:23
Florbela Espanca será eterna...e nunca deixará nunca de ser lida, declamada e registada na memória de todos os leitores. Parabéns pela escolha fenomenal...


De Anónimo a 9 de Agosto de 2005 às 22:20
Madalena, Florbela Espanca é uma escritora que dispensa comentários, tens sempre boas escolhas, fica bem, bjnhs zezinhozezinho
(http://zezinhomota.blogs.sapo.pt)
(mailto:zezinhomota@sapo.pt)


De Anónimo a 9 de Agosto de 2005 às 21:03
Boa escolha! Gosto muito da Florbela Espanca.

beijinhosisa
(http://singular.blogs.sapo.pt)
(mailto:singularidade@postmark.net)


De Anónimo a 9 de Agosto de 2005 às 17:50
O poema é muito bonito!!! Eu não aprecio Florbela Espanca, mas por acaso até é bonito. Boa semana!!!! Bjx ffx!!!A menina do mar
(http://ameninadomar.blogs.sapo.pt/)
(mailto:www.rafaela3404@sapo.pt)


De Anónimo a 9 de Agosto de 2005 às 17:45
Poema Lindo! A vida te sorri! Passei para desejar uma boa semana. Cuida-te muito, bjsMaria
(http://pensaemmim.blogs.sapo.pt)
(mailto:my_heart99@hotmail.com)


De Anónimo a 9 de Agosto de 2005 às 15:34
Florbela é eterna.Um poema lindo e uma óptima escolha.Beijinho.Aníbal
(http://mourani.blogs.sapo.pt/)
(mailto:mourani2@sapo.pt)


De Anónimo a 9 de Agosto de 2005 às 14:51
Sem te conhecer, sinto que és uma pessoa com uma enorme personalidade, o mesmo sinto pelo teu irmão e mesmo antes de saber que tinhas um irmão com blog, já vos gostava de visitar. São dos poucos que sinto vontade inesplicavel de vos comentar, nem que seja para vos dar um beijinho e agradecer as vossas partilhas e vossas vontades. Um enorme beijo cheio de sonhos encantados. Ah! Já agora agradeço a tua presença no meu blog de Tertuliando.Sonhos Encantados
(http://sonhosencantados.blogs.sapo.pt)
(mailto:mac_marisa@yahoo.com.br)


De Anónimo a 9 de Agosto de 2005 às 14:26
Grande poema de alguem que muito admiro, julgo alias que é das senhoras que mais me fascinam e que adorava ter conhecido! Beijosocean
(http://www.opernoad.blogs.sapo.pt)
(mailto:ocean_cool@sapo.pt)


De Anónimo a 9 de Agosto de 2005 às 09:30
A noite, escura, misteriosa e calma, cenário de tanta paixão contida, palco de tanta loucura, cama de sedução, onde o teu corpo se entrega, na troca de um beijo, ao poeta que te inspira.alfa69
(http://daquidali.blogs.sapo.pt)
(mailto:aalmas@marbosserra.pt)


De Anónimo a 9 de Agosto de 2005 às 01:41
Que poema lindo, aprendi a gostar das coisas dessa grande senhora, o meu namorado mostrou-me e ensinou-me a gostar de poesia! Fizeste uma optima escolha, tb adoro esse poema! Beijinhos pa ti e obrigada pelas tuas visitas ao Momentos a DoisMargarida & Gonçalo
(http://www.momentosadois.blogs.sapo.pt)
(mailto:margarida-78-leal@sapo.pt)


Comentar post

.Meu selo...


fg.jpg


.Meu outro blog


Image Hosted by ImageShack.us

.Outro Blog Meu


Image Hosted by picoodle.com

.posts recentes

. Uma outra vida...

. Minha despedida...

. Sou Outono...

. A oitava maravilha do "no...

. Liberta-me, mas...fica...

. Todas as dores...

. Paz é tudo o que peço...

. Lamento...

. Vives em minha saudade...

. Sou o que sou...

. Chuva...

. Eu...

. Lagrimas...

. Em tuas mãos...

. Mãe...

. Beija-me...

. É teu...

. Asas de sentimento...

. Desisto...

. Beijo-te suavemente...

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.Meu contador de visitas...