Sábado, 14 de Outubro de 2006

Nasce o dia...

O sol amanheceu e inundou meu quarto de luz. Seus raios fizeram as sombras da noite ganhar cores, transformando tudo o que me rodeia, trazendo de novo a realidade de mais um dia.

 

Continuo quieta, olhando a luz crescer cada vez mais, iluminando os recantos onde a noite se encolhe… Não quero acordar e peço a escuridão para afastar a luz. Minha alma continua presa no sonho que a embalou…

Esquecida numa magia que um dia nasceu num coração que batia ao compasso de um desejo mas que hoje se perdeu no silêncio ritmado de uma ausência.

 

Fecho os olhos, não quero ver o dia nascer, nem sentir a realidade que se aproxima vazia de sentidos. Quero prolongar a noite. Voltar para o abraço terno das estrelas, sentir o aroma da maresia que o mar exala enquanto canta uma melodia de saudade. Quero voltar para o aconchego de um raio de luar que sempre se prendeu no brilho de um olhar distante…

 

Mas o dia nasce e teimoso afasta as estrelas que guardam minha alma. Sinto-me vazia sob este sol que não me aquece o coração…Sol que um dia foi sorriso e que hoje se perdeu no tempo… Mas ele amanhece cheio de vida e de brilho e obriga-me a despertar.

 

Desisto da noite e do sonho que me embalou e devagarinho acordo para mais um dia. Deixo o sol beijar-me suavemente o rosto e sorrio… Afinal, o dia tem em suas horas, imensos sorrisos escondidos… Só preciso deixar que a alma senti-los…


Escrito da alma: Madalena às 17:28
| Comenta aqui
8 comentários:
De castor a 14 de Outubro de 2006 às 20:33
A cada novo dia que nasce, o sol trás o seu brilho e a esperança de ser um dia muito melhor do que o que passou....nunca desistas de nada mas procura sempre mais e mais...a cada dia, a cada noite!!!! Hoje... mando-te um beijo com o que de melhor tem o dique. CHUAC!


De Madalena a 16 de Outubro de 2006 às 14:41
Cada dia é um novo dia, eu sei isso Castorzinho... Mas ele só é bonito quando é iluminado por sorrisos... E tu, tens um sorriso lindo que é capaz de fazer brilhar o sol mesmo em dias de chuva e para o encontrar, basta descansar um pouco no teu dique. Este beijo tem um sabor diferente...;-) Beijo


De Olimpia a 17 de Outubro de 2006 às 20:09
o teu blog ...é feito com muita alma....parabéns!!!

adoro a tua musica....sei k é da tina turner...podes me mandar o titulo ..por favor...muito obrigada


De Madalena a 17 de Outubro de 2006 às 21:09
Obrigada Olimpia pela tua visita e tuas palavras. A musica é da Tina Turner e o titulo, se não me engano é Silent Wings. Beijo


De aminhoca a 18 de Outubro de 2006 às 19:03
Hoje quem cá vem sou eu...que é para ver se há respeito por todos os que sobem na vida...hoin, hoin, hoin ;-) ...óh Ma-da-le-na, olha que quem sabe o que custa subir sou eu, minhoca dos alguidares, dos pântanos e dos quintais...e tu deves saber que quanto mais alto se sobe, maior é a queda...ai meu rico corpinho que às vezes, até parece que toca na lua...fica bem e boa semana. Vou-me esticar...hoin!!!


De Madalena a 21 de Outubro de 2006 às 10:43
Ó Minhoca, ainda bem que tu sabes o que é subir...e deixa-me que te diga, se não fosse o caso, coitada de ti e do nosso amigo Castorzinho!! Mas fica descansada...se souberes subir gerir bem o tempo em que sobes, também vais ver que quando cair será de mansinho...cansada mas feliz!! Pergunta ao Castorzinho se tenho ou não razão!! Beijo e boas subidas!!:-)


De Ni a 19 de Outubro de 2006 às 17:37
Venho antecipadamente desejar um bom final de semana e deixar este pensamento:
---------------------------------
Medo de que o casamento não corra bem?...

O amor e o medo não podem andar juntos.



Quem tem medo não entende nada de amor.

Amar é, precisamente, não ter medo.

É acreditar que se possui uma força imensa.



Quem ama sabe que é também possuído e protegido pelo amor.

E que, por isso, caminha noutra altura;

voa por cima dos gelos, dos salpicos das ondas, das pedras aguçadas.

Vai por cima de um mundo muito pequeno,

nas asas de um fogo, em mãos de fadas.



Paulo Geraldo



De Madalena a 21 de Outubro de 2006 às 10:47
Obrigada Ni pelo teu carinho... O poema é muito bonito. O amor protege e mostra-nos os caminhos, é verdade, mas o medo faz parte do ser humano, e impede na maior parte do tempo de descobrir esses caminhos... Beijo e bom fim de semana!


Comentar post

.Meu selo...


fg.jpg


.Meu outro blog


Image Hosted by ImageShack.us

.Outro Blog Meu


Image Hosted by picoodle.com

.posts recentes

. Uma outra vida...

. Minha despedida...

. Sou Outono...

. A oitava maravilha do "no...

. Liberta-me, mas...fica...

. Todas as dores...

. Paz é tudo o que peço...

. Lamento...

. Vives em minha saudade...

. Sou o que sou...

. Chuva...

. Eu...

. Lagrimas...

. Em tuas mãos...

. Mãe...

. Beija-me...

. É teu...

. Asas de sentimento...

. Desisto...

. Beijo-te suavemente...

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.Meu contador de visitas...