Terça-feira, 15 de Agosto de 2006

Ando perdida...

Vagueio nas horas triste, que um relógio teimoso cisma em contar, perdida no tempo ausente de um sorriso…

 

Sigo por caminhos de raios de sol, verão que aos pouco se despede para dar lugar a minha melancolia, procurando nos dias passados, a força para seguir num presente esquecido… Caminhos de sonhos perdidos que tragam na saudade e com os quais pinto a nova tela de minha vida!

 

Ando sozinha por entre estrelas que me guiam pela noite, sem destino, sem rumo, mas com a certeza de chegar ao raiar do dia, com a sensação de ter sonhado, de ter vivido…com a ilusão de ter sido!!

 

Procuro-me no silêncio e no vazio que a alma me mostrou… perdi-me em algum lugar, numa ilusão qualquer… Já não sei quem sou, mas sei que de novo vou me encontrar!

 

Abro as portas do coração e espero que a noite se faça dia… Encho a alma de cores para pintar minha tela. Traço as linhas dos sonhos que se apagaram e invento na ausência que os minutos cantam no velho relógio, os tons claros da esperança… O sol traz com ele o calor de um beijo, a magia de um sorriso.

 

E quando o sol tocar na linha do horizonte o meu mar, talvez consiga sentir nas ondas do meu ser, o barco dos desejos, navegando nas marés dos meus sentidos. Abro o cais de minha alma para que possa ser acariciada pela brisa suave e quem sabe, embalada por uma melodia doce, tocada ao vento nas cordas de um coração que se quer apaixonar…

 


Escrito da alma: Madalena às 14:52
| Comenta aqui
4 comentários:
De Observador a 16 de Agosto de 2006 às 11:13
Não sei por onde vagueias se for pela praia da imagem, kkk
num primeiro olhar parece bonita com estrela e tudo
numa segundo olhar a espuma da água é mais espuma de detergente, num olhar mais atento verificamos que também não é areia mas sim uma especie de tecido tipo chifon, a estrela vendem-se nas lojas dos 300,
Essa imagem amiga é tudo menos real, procura mesmo uma praia a sério, pode ser que apanhes um vento com uma melodia doce que te possa acariciar

se não panhares com o vento basta vires ao pé de mim, prontos.

Bj By Pi


De Noite a 17 de Agosto de 2006 às 18:57
Deixa o coração aberto pois na brisa do vento que passa há sempre outros que procuram o teu...


De Piranga a 6 de Outubro de 2010 às 10:59
És professora em Guimarães?


De Piranga a 6 de Outubro de 2010 às 10:59
És professora em Guimarães?


Comentar post

.Meu selo...


fg.jpg


.Meu outro blog


Image Hosted by ImageShack.us

.Outro Blog Meu


Image Hosted by picoodle.com

.posts recentes

. Uma outra vida...

. Minha despedida...

. Sou Outono...

. A oitava maravilha do "no...

. Liberta-me, mas...fica...

. Todas as dores...

. Paz é tudo o que peço...

. Lamento...

. Vives em minha saudade...

. Sou o que sou...

. Chuva...

. Eu...

. Lagrimas...

. Em tuas mãos...

. Mãe...

. Beija-me...

. É teu...

. Asas de sentimento...

. Desisto...

. Beijo-te suavemente...

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.Meu contador de visitas...