Quarta-feira, 22 de Dezembro de 2004

Lindo!!

Quando eu morrer, não digas a ninguém que foi por ti.
Cobre meu corpo frio com um desses lençóis
Que alagámos de beijos quando eram outras horas
Nos relógios do mundo e não havia ainda quem soubesse
De nós; e leva-o depois para junto do mar, onde possa
Ser apenas mais um poema – como esses que eu escrevia
Assim que a madrugada se encostava aos vidros e eu
Tinha medo de me deitar só com a tua sombra. Deixa


Que nos meus braços pousem então as aves (que, como eu,
Trazem entre as penas a saudade de um verão carregado
De paixões). E planta à minha volta uma fiada de rosas
Brancas que chamem pelas abelhas, e um cordão de árvores
Que perfurem a noite – porque a morte deve ser clara
Como sal na bainha das ondas, e a cegueira sempre
Me assustou (e eu já ceguei de amor, mas não contes
A ninguém que foi por ti). Quando eu morrer, deixa-me


A ver o mar alto de um rochedo e não chores, nem
Toques com os teus lábios a minha boca fria. E promete-me
Que rasgas os meus versos em pedaços tão pequenos
Como pequenos foram sempre os meus ódios; e que depois
Os  lanças na solidão de um arquipélago e partes sem olhar
Para trás nenhuma vez: se alguém os vir de longe brilhando
Na poeira, cuidará que são flores que o vento despiu, estrelas
Que se escaparam das trevas, pingos de luz, lágrimas de sol,
Ou penas de um anjo que perdeu as asas por amor.


De O canto do vento nos Ciprestes


Escrito da alma: Madalena às 20:07
| Comenta aqui

.Meu selo...


fg.jpg


.Meu outro blog


Image Hosted by ImageShack.us

.Outro Blog Meu


Image Hosted by picoodle.com

.posts recentes

. Uma outra vida...

. Minha despedida...

. Sou Outono...

. A oitava maravilha do "no...

. Liberta-me, mas...fica...

. Todas as dores...

. Paz é tudo o que peço...

. Lamento...

. Vives em minha saudade...

. Sou o que sou...

. Chuva...

. Eu...

. Lagrimas...

. Em tuas mãos...

. Mãe...

. Beija-me...

. É teu...

. Asas de sentimento...

. Desisto...

. Beijo-te suavemente...

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.Meu contador de visitas...