Terça-feira, 13 de Setembro de 2005

Um até já...

grav_mulher_asas_de_folhas.jpg 


Fui anjo de uma asa só, perdida por caminhos de lágrimas, de dor… Por vezes nasceu o sol e clareou minha noite, mas nunca por muito tempo. Poderia encontrar explicação para esta alma pequenina, feita de tristeza, mas não vale a pena tentar entender o que a partida não é feito para isso.


Fui sim, anjo de uma só asa mas aqui aprendi a voar com cada um de vocês… Completaram minha alma, foram a asa que me faltava.


Mas hoje, deixo-vos…
Acaba aqui este cantinho por onde espalhei minhas palavras ao vento, por onde deixei pedacinhos de coração e onde me encontrei e reencontrei em cada um de vocês… Não tem uma razão ou talvez tenha muitas, mas não vale a pena falar sobre elas.
Saio de mansinho, tal como entrei…


Mas não é um adeus, é apenas uma mudança… 
Tenho uma nova casa, onde não estarei só… Um novo cantinho onde minhas palavras serão partilhada com alguém que tem o mesmo jeito de sentir, o mesma vontade de escrever, onde as palavras terão seu lugar tal como aqui e onde eu espero de novo encontrar todos os meus amigos…


Poderia mencionar um a um todos aqueles que me deixaram uma parte de si e que levaram uma parte de mim, mas são muito e não quero esquecer de ninguém. Por isso deixo-vos aqui o meu beijo cheio de carinho e o meu muito obrigada por me terem acompanhado, estes meses todos, nos bons e maus momentos de minha vida!


Sempre que me quiserem ler estarei aqui: www.osmanos.blogs.sapo.pt , quanto a mim, estarei sempre presente…


Adoro-vos…
Beijo
Madalena


Escrito da alma: Madalena às 19:23
| Comenta aqui | ver comentários (22)
Sexta-feira, 9 de Setembro de 2005

...

p.jpg


                                              Imagem retirada da net


 


Será preciso acrescentar mais alguma coisa?


Acho que não…tudo está dito numa pequena frase…


Se não me vês, se não me ouves… sente-me apenas!!


 


Escrito da alma: Madalena às 12:16
| Comenta aqui | ver comentários (19)
Segunda-feira, 5 de Setembro de 2005

Meus anjos, meu amigos...

amizade_4.jpg


Imagem retirada da net


 Como posso eu pensar em solidão quando na verdade existem anjos que me rodeiam?
É verdade que não os vejo, que não conheço o olhar, nem o sorriso… É verdade que nada sabem de mim além de palavras ditas ao vento, sem destino ou destinatário. Mas sei que seus olhos me iluminam e que seus sorrisos são feitos de carinhos… e isso? Isso é o suficiente para saber que são meus anjos, minha companhia, meus amigos!!


Por vezes, sou barco pequeno a deriva que naufraga num mar de tormenta. Mas quando desisto de lutar contra a tempestade, e deixo o sentimentos afundar nas águas turvas, uma luz prende-me, amarra-me e guia-me para águas límpidas, mais calmas…
Essa luz nasce no coração e é projectada pelo meus anjos, meu farol, meus amigos!!


Sou Outono… Alma feita de melancolia e de muito nostalgia, dias de chuva, dias de vento… e dias de sol, mas que não aquecem o coração! Folha caída, que baila ao sabor do vento… Gosto de Outono e visto-me de suas cores em minha alma, de sua tristeza em meu coração. Hoje sei que nos dias de chuva, aparece sempre um arco-íris cheio de cores bonitas que se mistura ao silêncio…cores feitas palavras, escritas numa tela branca, página de minha alma. Escritas por meus anjos, meus poetas, meus amigos!!


A ti que por aqui passas, que deixas um pouco de ti e levas um pouco de mim…
A ti que me iluminas com o teu sorriso, que me apertas em teu abraço…
A ti, o meu obrigada e minha amizade sincera…
A ti, meu anjo, meu amigo… um beijo doce!


Escrito da alma: Madalena às 09:36
| Comenta aqui | ver comentários (30)

.Meu selo...


fg.jpg


.Meu outro blog


Image Hosted by ImageShack.us

.Outro Blog Meu


Image Hosted by picoodle.com

.posts recentes

. Uma outra vida...

. Minha despedida...

. Sou Outono...

. A oitava maravilha do "no...

. Liberta-me, mas...fica...

. Todas as dores...

. Paz é tudo o que peço...

. Lamento...

. Vives em minha saudade...

. Sou o que sou...

. Chuva...

. Eu...

. Lagrimas...

. Em tuas mãos...

. Mãe...

. Beija-me...

. É teu...

. Asas de sentimento...

. Desisto...

. Beijo-te suavemente...

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.Meu contador de visitas...