Segunda-feira, 28 de Fevereiro de 2005

...

1segunda.jpg

Mas lá tem de ser... Nada pode parar o tempo e depois de Domingo, lá vem a Segunda-feira!!! Por que será que custa tanto levantar?Bem... Já passou!!! Bem devagarinho mas já esta. Daqui a pouco já pertence a ontem e é menos um dia a contar para novamente chegar o fim de semana!

Escrito da alma: Madalena às 22:04
| Comenta aqui | ver comentários (4)

...

Na tua boca cantou subitamente uma voz.
E, ao dizeres o meu nome na rede de um abraço,
o rio que outrora bordava o campo emudeceu
com as suas pedras lisas.


Então, foi possivel ouvir o vento soprar nas asas das borboletas
e os lagartos recolherem-se nos veios dos muros
e o sol ferir-se nos espinhos das roseiras.


Sobre a colina quente passou uma nuvem
e uma ave poisou, perplexa, no fio do horizonte
por um instante, o dia mostrou as suas pálpebras tristes;


e, na brancura cega desse entardecer, a tua mão
escorregou pela inclinação do sol e veio contar
as sombras do meu decote.


São assim as mais pequenas histórias do mundo.


de  O canto do vento nos Ciprestes (Maria do Rosario Pedreira)


Escrito da alma: Madalena às 14:13
| Comenta aqui | ver comentários (3)
Sábado, 26 de Fevereiro de 2005

O mais bonito dos presentes....

Para a minha tia querida.

cat and dog.jpg


 
Pensamentos de Amor


 


Se tens o afecto de alguém, não lhe escutes só a voz: ouve o silêncio também…
       Augusto Gil


A medida do verdadeiro amor é amar sem medida.
       Bevilacqua


O primeiro amor que entra no coração é o ultimo que sai da memória.
       Petit-Senn


È o amor por natureza insaciável. Dai-lhe a felicidade, pede-vos o paraíso; dai-lhe o paraíso, pede-vos o paraíso, pede-vos o céu.
       Vítor Hugo


O amor é o princípio de tudo, a razão de tudo, o fim de tudo.
       Lacordaire


O amor só é grande quando sofre, perdoa e tem saudades.
       Luís depret


Só se ama verdadeiramente quando se ama sem razão.
       Anatole france


Há amores tão belos que desculpam todas as loucuras que nos fazem fazer.
       Rochebrune


 


Com carinho da Leticia


Escrito da alma: Madalena às 19:59
| Comenta aqui | ver comentários (4)
Sexta-feira, 25 de Fevereiro de 2005

Fim de semana!...

5sexta.jpg


Finalmente, o fim de semana esta pertinho... Vou aproveitar e dormir...dormir!! Sei que dormindo desperdiçamos a vida, mas para mim, essa é a melhor maneira de o fazer!!!


Escrito da alma: Madalena às 09:08
| Comenta aqui | ver comentários (6)

...

ursinhos.gif


Só as paixões, as grandes paixões,


conduzem a alma às grandes coisas.


Diderot


Escrito da alma: Madalena às 09:03
| Comenta aqui | ver comentários (1)

Olhar triste

lagrimas.gif


 Faz tempo que não vejo teu sorriso
E como ele é preciso
Para iluminar teu rosto,
E te sentires encorajada
A continuares a caminhada
Apesar do teu desgosto.


Faz tempo, devo confessar,
Que ao olhar o teu olhar
O vejo vazio e triste,
Dando a nítida imagem
De quem perdeu a coragem
E já não vive, apenas existe!


Recupera a tua alegria
E tenta dia-após-dia
Afastar o teu tormento,
Vem viver, amar a vida, sorrir,
Tudo isso desejo ver, sentir
Em ti, faz tempo, faz tempo!


Celeste Maia


Escrito da alma: Madalena às 08:13
| Comenta aqui
Quinta-feira, 24 de Fevereiro de 2005

Os elos que me ligam a ti!...

São «estranhos» e misteriosos
Os elos que me ligam a ti.


A priori, aparentemente,
Há tão pouco tempo desconhecidos
E hoje tão próximos...tão dentro,
Vivendo uma amizade tão profunda e verdadeira.


Que laços tão entrançados nos interligam!
Que sintonia de corações nos tocam!
Que química interior inexplicável nos atrai um ao outro!...


É como se desde sempre nos conhecêssemos,
Desde toda a eternidade.


A teoria da reencarnação diria
Que em vidas passadas sempre fizemos parte
Da existência um do outro,
Enquanto «almas gémeas».
E só assim se explicaria
A tremenda sintonia interior e cumplicidade,
A familiaridade e proximidade
A empatia e aceitação mútua incondicional
A sinceridade e franqueza
A honestidade e abertura de coração.


Só assim se entenderia
Tamanha facilidade e qualidade relacionais...
Tão grande intimidade
Que brota das profundezas do Ser...


Ana Paula Bastos


Escrito da alma: Madalena às 11:46
| Comenta aqui
Quarta-feira, 23 de Fevereiro de 2005

...

bomdia1.gif


 Não possuo a beleza da perfeição,
a força da sabedoria,
o olhar vasto do conhecimento.
Apenas possuo o suave sussurro...da esperança.


Joan Walsh Anglund


Escrito da alma: Madalena às 08:16
| Comenta aqui | ver comentários (4)
Terça-feira, 22 de Fevereiro de 2005

Sem comentarios...

amigo.gif


Escrito da alma: Madalena às 08:18
| Comenta aqui | ver comentários (4)
Segunda-feira, 21 de Fevereiro de 2005

Um abraço...

abraco.gif


Hoje acordei com vontade de abraçar o dia, de o tornar bonito… De abraçar o mundo e de fazer dele um cantinho de paraíso…


Hoje acordei com vontade de abraçar todos os meus amigos, minha família, meus vizinhos, quem me ama e quem não me ama, de dar felicidade a todos…


Hoje acordei com vontade de sorrir, de cantar, de conversar, de estar e de não estar, simplesmente sonhar…


Hoje acordei de bem com a vida, de bem comigo…oxalá seja assim até ao fim de dia!!!


Escrito da alma: Madalena às 08:22
| Comenta aqui | ver comentários (4)
Domingo, 20 de Fevereiro de 2005

Amigos são anjos...

anjo025.gif


Amigos são Anjos.


Os verdadeiros amigos são anjos!


Descobri essa irrefutável verdade ao perceber o quanto são raras essas preciosidades que chegam de repente na vida da gente e se alojam devagarzinho em local especial e essencial da nossa existência.


No decorrer dos anos, encontramos vários tipos de anjos. Alguns são sonsos, vão se apoderando do nosso carinho como quem não quer nada, até que, quando percebemos, já lhes dedicamos nosso afecto integral...


Outros são mais atirados; já chegam mostrando claramente com seus olhos sinceros o quanto nossa amizade é importante para eles... Alguns chegam necessitando de curativos nos ferimentos causados por amigos que não eram anjos... Outros chegam para sarar nossos próprios ferimentos...


Alguns são leves e divertidos; nos mostram a alegria da vida... Outros, não menos honestos, nos mostram a seriedade com que a vida deve ser enfrentada...


Alguns têm suas qualidades tão à mostra, que a um primeiro olhar já sabemos a que vieram...Outros têm essas mesmas qualidades muito bem guardadas e precisamos ir desvendando-as aos poucos...


Alguns esbarram na gente numa esquina qualquer, sem avisar e nos dão carinhos reais, sorrisos reais, protecção real.... Uns não são melhores nem piores que os outros; são apenas diferentes, com suas qualidades que devemos salientar, com seus defeitos que devemos enfrentar (pois quando gostamos temos compromisso de ser fiéis até aos defeitos do nosso anjo).


O importante é tentarmos, ao longo das nossas vidas, termos sempre algum anjo com o qual possamos contar nas horas difíceis para nos dar alento... e nas horas alegres para rir com a gente, rir da gente, da vida enfim...


O importante é termos anjos...


O importante é sermos anjos...


(Autoria: Lúcia Padilha)


Escrito da alma: Madalena às 18:34
| Comenta aqui | ver comentários (3)

...

Beijao.gif


Por um olhar, um mundo;
por um sorriso, um pedaço do céu;
por um beijo... Ops...
Não sei o que eu teria
para dar em troca
de um beijo...


Escrito da alma: Madalena às 18:12
| Comenta aqui | ver comentários (1)
Sábado, 19 de Fevereiro de 2005

...

2.JPG


Trago dentro de mim um mar imenso
feito de vagas tristes
e sonhos vagos


o horizonte é uma manhã
que eu quis minha para ser eu


e para porto de abrigo escolhi uma tarde
que soubesse chorar a morte do sol


de Quando o Verão Acabar


Escrito da alma: Madalena às 15:27
| Comenta aqui | ver comentários (4)

O esconderijo

Quando não tenho onde esconder as dores
espreito pela janela, aguardo um carro passar.
As mulheres que vêm das compras.


e discutem sobre o elevado preço das coisas.
O gesto mínimo traz em si todas as palavras
que não chegam para suspender este sufoco.


Coabitamos cada vez pior, eu e a memória.
Os prédios em construção, as barracas,
as escavadoras tirando terra daqui, colocando-a ali,


o ladrar dos cães áquilo que lhes é estranho.
Em nada encontro um antídoto para o sentido.
Quando não tenho onde esconder as dores
espreito pela janela, aguardo qualquer coisa passar.


de A Voz Que Nos Trai


Escrito da alma: Madalena às 15:19
| Comenta aqui | ver comentários (1)

...

CAfufoxoinhonho.jpg


O amor pequeno se mostra
grandioso nas catástrofes;
o amor grande se prova todos
os dias nas coisas pequenas.


Escrito da alma: Madalena às 14:59
| Comenta aqui

...

valentinekit.jpg


 Quando a tristeza vier
ao seu encontro, deixe sair
dos olhos uma lágrima,
da boca um sorriso
e do coração uma prece,
pois não são covardes os
que choram por amor,
mas sim aqueles que amam
com medo de chorar....


Escrito da alma: Madalena às 14:40
| Comenta aqui | ver comentários (1)
Sexta-feira, 18 de Fevereiro de 2005

Para ti!...

O mar esta calmo, sereno, de um azul tão claro que quase se mistura na linha do horizonte. O olhar perde-se nesse mar e o pensamento corre livre, abrindo suas asas como uma gaivota voando ao sabor do vento.
O sol brilha e o ar traz o cheiro a maresia.
Ouve-se apenas o silêncio e no peito, o coração bate com tristeza. Tristeza de quem vê pela janela aquilo que não foi, o que não sentiu e o que perdeu...
Um barco agita suas velas como se  agita a mão num adeus... Como seria bom navegar livre... Sentir de novo a vida com tudo o que ela tem de bom e de mau.
Sentir que finalmente nada nos prende, que as amarras se soltaram e que são trocadas pelo carinho de um abraço.
Por um instante, o olhar enche-se de esperança, ao ver lá ao longe um raio de sol tocar as ondas encrespadas de um mar de solidão... O desejo de partir, de quebrar as correntes...
Ao longe esta um farol, que ilumina a noite com sua luz, chamando a si um barco a deriva em que o coração naufraga no silêncio que envolva a alma de quem deseja, sonha, ama e...espera!
Um dia, esse mar será feito de ternura, de sorrisos e essa luz que guia as almas perdidas será o brilho das estrelas, a caricia da lua...
E finalmente, de novo a liberdade de viver, querer e sonhar!!!


Escrito da alma: Madalena às 13:37
| Comenta aqui | ver comentários (3)

...

anjos6.jpg


O amor é a poesia dos cinco sentidos.


Escrito da alma: Madalena às 08:23
| Comenta aqui | ver comentários (2)
Quinta-feira, 17 de Fevereiro de 2005

Terror de te amar

Terror de te amar num sítio tão frágil como o mundo


Mal de te amar neste lugar de imperfeição
Onde tudo nos quebra e emudece
Onde tudo nos mente e nos separa.


Sophia de Mello Breyner Andresen


Escrito da alma: Madalena às 19:05
| Comenta aqui | ver comentários (2)

Um fado: palavras minhas

Palavras que dissestes e já não dizes,
palavras como o sol que me queimava,
olhos loucos de um vento que soprava
em olhos que eram meus, e mais felizes.


Palavras que dissestes e que diziam
segredos que eram lentas madrugadas,
promessas imperfeitas, mumuradas
enquanto os nossos beijos permitiam.


Palavras que dizias, sem sentido,
sem as quereres, mas só porque eram elas
que traziam a calma das estrelas
á noite que assomava ao meu ouvido...


Palavras que não dizes, nem são tuas,
que morreram, que em ti já não existem
- que são minhas, só minhas, pois persistem
na memória que arrasto pelas ruas.


Pedro Tamen


Escrito da alma: Madalena às 18:58
| Comenta aqui | ver comentários (1)

Dá-me a tua mão...

 


Dá-me a tua mão.


Deixa que a minha solidão
prolongue mais a tua
- para aqui os dois de mãos dadas
nas noites estreladas,
a ver os fantasmas a dançar na lua.


Dá-me a tua mão,companheira,
até o Abismo da Ternura Derradeira.


José Gomes Ferreira


Escrito da alma: Madalena às 18:49
| Comenta aqui | ver comentários (1)
Quarta-feira, 16 de Fevereiro de 2005

...

apaixoniteaguda.gif



O melhor lenço para uma lagríma é o sorriso de quem nos ama...


Escrito da alma: Madalena às 08:23
| Comenta aqui | ver comentários (2)

...

amor.jpg


O amor é um não sei
o quê, que vem não sei
de onde e termina
não sei como.


Escrito da alma: Madalena às 08:14
| Comenta aqui | ver comentários (2)
Terça-feira, 15 de Fevereiro de 2005

Sem titulo!...

Coraxao(01).jpg


Busquei no horizonte uma
forma nova de ser feliz...
Nada achei!
Busquei na meia-noite
uma maneira suave de sonhar...
Não adormeci!
Busquei, então, onde a razão
não pode alcançar.
Fui dentro de mim,
bem fundo, e quase
sem querer te descobri
por entre letras mágicas
e risos escondidos...
Foi assim que te encontrei!


Escrito da alma: Madalena às 19:18
| Comenta aqui

Tenho amor, sem ter amores.

Este mal que não tem cura,
Este bem que me arrebata,
Este rigor que me mata,
Esta entendida loucura
É mal e é bem que me apura;
Se equivocando os rigores
Da fortuna aos desfavores,
É remédio em caso tal
Dar por resposta ao meu mal:
Tenho amor, sem ter amores.


É fogo, é incêndio, é raio,
Este, que em penosa calma,
Sendo do meu peito alma,
De minha vida é desmaio:
E pois em moral ensaio
Da dor padeço os rigores,
Pergunta em tristes clamores
A causa minha aflição,
Respondeu o coração:
Tenho amor, sem ter amores
.



Soror Madalena da Glória


Escrito da alma: Madalena às 12:08
| Comenta aqui
Segunda-feira, 14 de Fevereiro de 2005

Dia dos namorados!...

0101h008o.gif


Uma flor… quem me conhece dá-me uma papoila!


Uma cor… um arco-íris. Todas cores são belas!


Não é preciso muito, nem nada de especial para se dizer a alguém que gostamos. Quem neste dia não se recorda de um presente dado com ternura, com carinho e até com um pouco de vergonha?


Eu lembro… Um postal, um beijo, um sorriso…


Lembro de um muito especial. Uma carta onde cada palavra sabia a doçura. Em cada linha (não eram muitas!) encontrava a palavra gostar. Escrita de maneira simples, nem sempre direito e com uns erros a mistura… chorei quando li e ainda hoje guardo como um pequeno tesouro.


Não foi um namorado a sério mas nesse dia brincamos ao faz de conta e lembro as gargalhas de meu cavalheiro que passou o dia a fazer-me todas as vontades. Tinha oito anos e é meu sobrinho…


Foi um dia dos namorados inesquecível e que guardo com toda a ternura em meu coração


Escrito da alma: Madalena às 08:31
| Comenta aqui | ver comentários (3)
Sábado, 12 de Fevereiro de 2005

...

ani03[1].gif


Saudade...


doce poesia que ninguém entendeu.


É uma vontade louca de ter de novo aquilo que se perdeu.


Escrito da alma: Madalena às 14:13
| Comenta aqui | ver comentários (2)

...

a.jpg


Saudades são águas passadas que se acumulam em nossos corações, inundam nossos pensamentos, transbordam por nossos olhos, deslizam em gotículas de lembranças que, por fim, morrem na realidade de nossos lábios.


Escrito da alma: Madalena às 13:59
| Comenta aqui | ver comentários (1)

...

t1.jpg


Nunca diga que amou alguém e o esqueceu, diga apenas que não quer falar nele para que os seus olhos não se encham de lágrimas, pois mais vale a tristeza do adeus do que a certeza do nunca mais.


Escrito da alma: Madalena às 13:49
| Comenta aqui | ver comentários (2)

...

ursoamor.gif


Precisamos de um só instante para olhar alguém, uma hora para gostarmos dessa pessoa, um dia para nos apaixonar por ela, mas uma vida inteira para arrancá-la do coração.


Escrito da alma: Madalena às 13:43
| Comenta aqui | ver comentários (1)
Sábado, 5 de Fevereiro de 2005

Somos anjos...

somosanjos.jpg


Somos anjos de uma asa só...


Anjos que ri e choram, anjos que amam… Mas somos anjos de uma asa só e não podemos voar…


Estamos presos ao nosso pequeno mundo que não para de girar… Se ao menos pudéssemos dar a nossa asa e permitir que todos os que amamos, fossem feliz…


De que serve uma só asa, se a única coisa que podemos fazer é sonhar?!!


Pelo menos sonhando não temos limites…


Escrito da alma: Madalena às 15:07
| Comenta aqui | ver comentários (5)
Quinta-feira, 3 de Fevereiro de 2005

Sinto tua falta!!

Mais um mês passou e apesar de saber que o tempo sara as feridas, a cicatriz deixada pela tua partida nunca se fechara...
Sei que recordar é bom e no entanto hoje preciso esquecer.
Lembro quando eras pequenino e todas as asneiras, os castigos e acima de tudo, do teu sorriso e daquela gargalhada tão gostosa.
Era impossível não rir contigo.
Sinto tua falta!
Por vezes, sem querer, passa uma fotografia tua pelas minhas mãos e não consigo impedir as lagrimas...ainda dói tanto!
Queria acordar deste pesadelo e esperar de novo com ansiedade a tua chegada para umas ferias divertidas...
Meu querido Freddy!! Meu querido sobrinho!!
Como a vida é injusta ao levar-te na primavera da vida com tanto ainda para fazer, para nos dar...
Sinto tua falta!!
Sei que em cada noite vigias quem amas lá do céu, e sei que és aquela estrela que brilha com mais intensidade!!
Sei que és meu anjo da guarda, que estas sempre presente em minha vida assim como de todos aqueles que te amo e não te esquece...
Recuso-me a aceitar tua partida.
Por isso penso em ti a cada dia, rezo por ti em cada noite... faço questão de te lembrar em cada momento.
Sinto tua falta!! Tanto!!


Escrito da alma: Madalena às 14:46
| Comenta aqui | ver comentários (4)
Terça-feira, 1 de Fevereiro de 2005

Amor como em casa

Regresso devagar ao teu sorriso como quem volta a casa.


Faço de conta que não é nada comigo.


Distraído percorro o caminho familiar da saudade, pequeninas coisas me prendem, uma tarde num café, um livro.


Devagar te amo e ás vezes depressa, meu amor, e ás vezes faço coisas que não devo, regresso devagar a tua casa, compro um livro, entro no amor como em casa.


Manuel António Pina


Escrito da alma: Madalena às 10:38
| Comenta aqui | ver comentários (6)

.Meu selo...


fg.jpg


.Meu outro blog


Image Hosted by ImageShack.us

.Outro Blog Meu


Image Hosted by picoodle.com

.posts recentes

. Uma outra vida...

. Minha despedida...

. Sou Outono...

. A oitava maravilha do "no...

. Liberta-me, mas...fica...

. Todas as dores...

. Paz é tudo o que peço...

. Lamento...

. Vives em minha saudade...

. Sou o que sou...

. Chuva...

. Eu...

. Lagrimas...

. Em tuas mãos...

. Mãe...

. Beija-me...

. É teu...

. Asas de sentimento...

. Desisto...

. Beijo-te suavemente...

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.Meu contador de visitas...